Eu só queria dizer…

Que não custa sorrir. Que ajudar o próximo quando se pode é ótimo. Que comer chocolate não vai fazer a tua tristeza ir embora. Que a morte pode ser uma coisa terrível, se tu pensar que é. Que desenhar bem é questão de prática, assim como tirar fotos boas. Que todos sabem dançar. Que sabem cantar também. Não importa se a voz é feia, a intenção é bonita.

Que esmalte vermelho é horrível de tirar. Que cólica é um castigo muito pesado para uma mulher.

Que o mundo é uma bagunça, porque as pessoas que moram nele também são. Que todo mundo tem sua outra metade, mas que encontrá-la é difícil pra caramba. Que quando tu encontra, tu sabe.  Que amor é aquilo que te faz arrepiar por dentro. E que amor próprio é o amor mais bonito.

Que saúde importa mais que beleza. Que água faz bem pro corpo.

Que internet é um mundo todo.

Que tudo tem um lado bom. Que o melhor lugar do mundo é aquele onde estão as pessoas que amamos. Que quando queremos, corremos atrás. Que dinheiro nem importa tanto assim. Que fazer planos para o futuro é ótimo, mas esquecer de viver o presente não. Que um ano ainda é pouco para se conhecer bem uma pessoa. Que o passado é só isso mesmo, passado. Que ser bem sucedido só depende de ti.

Que ninguém pode te deixar triste a não ser que tu permita. Que contar até dez e esquecer não resolve. Conversar resolve.

Que pensar em doença te faz ficar doente. Que ter paciência é para poucos. Que às vezes é preciso se desligar de tudo, mas é importante se ligar de novo.

Que os conselhos dos pais são certeiros. Que os irmão são os melhores amigos.

Que tu pode dizer muita coisa sem falar nada. Ou tu pode simplesmente escrever.

O que tu quer dizer agora?

(:

Quis filosofar hoje. 

Viagem não feita e começo de faculdade.

Eu queria escrever sobre como quase tudo que eu tenho planejado não tem dado certo, mas hoje foi meu primeiro dia de aula na faculdade e essa é uma coisa que eu planejei e deu certo, então né.

Só pra dar uma resumida do que não tem dado certo.

Esse fim de semana era pra eu ter viajado com meu namorado, MAS sexta feira eu acordei doente, com uma virose que me pegou de jeito. Fui para o hospital, tomei soro na veia e mais uns remédios que me deixaram MUITO abobada. Aí não rolou. E eu pensando: “Ah, próximo findi vai, né?”

Vai não. Próximo findi o namorado trabalha. “Ah, então no outro final de semana”. Não também. Já tinha coisa marcada.

Olha! Ou não é pra eu viajar, ou essa viagem vai ser um baita evento.

Também não aconteceram algumas saídas que eu planejava, ainda não tenho meu material “escolar” pra faculdade, coisa que eu já queria a tempos, mas enfim, é a vida, essa brincalhona.

Hoje, porém, minhas aulas na faculdade começaram. E deu tudo certo. Eu tava quase criando uma gastrite de nervosa porque eu sou assim com coisas novas, mas foi bem tranquilo, as pessoas são cool, os professores também [por enquanto]. Meu namorado ficou rindo da minha cara dizendo que no fim da aula eu ia estar rindo do meu nervosismo de antes e é verdade. Tenho mania de aumentar tudo, exagerar e ainda por cima sou pessimista, aí já viu.

Mas enfim, deu tudo certo, ainda to vivona depois da virose,  ainda vou fazer essa viagem, e seja o que Deus quiser na faculdade. :)

O casamento dos meus sonhos.

Quem me conhece sabe que eu tenho uma pasta no meu computador só de coisas de casamento. Bolo, lembrancinha, comidas, salões, vestidos, cabelo, lua de mel e por aí vai. Tenho que dizer que alimento essa pasta a anos. Sou louca? Talvez sim.

Acontece que eu sempre planejei meu casamento, nos mínimos detalhes. Agora que eu achei o namorado certo e perfeito e maravilhoso minhas expectativas aumentaram e meus planos também.

Bom, o casamento dos meus sonhos vai ser [note como sou determinada] mais ou menos assim:

Não vai ser em nenhuma igreja, porque não sou católica e não acho legal um padre falando um tempão e me matando de tédio no dia do meu casamento. Por isso quero que seja em algum lugar ao ar livre, e quero que um amigo nos case [tipo quando o Joey casou Monica e Chandler].

Vou ter damas de honra e todas vão usar o mesmo vestido bem no estilo casamento americano. Acho uma grande ideia, porque daí ninguém fica competindo com ninguém, nem ficam loucas escolhendo o vestido.

Não vai ter bem casado porque acho muito clichê e cafona.

A lembrancinha vai ser muito original. Ainda não escolhi o que, mas quero dar algo que as pessoas possam usar, porque lembrancinhas normais são deixadas de lado e as pessoas jogam fora. :/

Eu queria que meu namorado/marido estivesse fardado, porque tenho um leve fetiche, mas não tem como. haha

Meu vestido vai ser tomara que caia, curto na frente e cumprido atrás, mas a calda não vai ser muito grande pra não pisarem nele. E não vou usar véu porque sou muito atrapalhada e não saberia lidar.

Não vai tocar a marcha nupcial. Quando eu entrar, a música que vai tocar vai ser Love Leads the Way do Hardline, que é a “nossa música”. nhói

A primeira música que eu e namorado/marido vamos dançar vai ser Sway versão Glee, porque por incrível que pareça é a versão que eu acho melhor.

Sonhando muito alto eu queria que a lua de mel fosse no Caribe [e quem não quer?]. hahaha Mas me contento com Fernando de Noronha ou algo assim.

Como podem ver, eu mais sei o que eu NÃO quero no casamento. E né, v0ltando ao mundo real, esse casamento ainda vai demorar para sair, mas não custar sonhar.

Pergunta se o namorado sabe de todos esses planos? Só metade e olhe lá, ele já me acha louca pelo que sabe, imagina. E eu tenho cara de que quero perder o marido antes de casar?  hahaha

Não me julguem.